Exclusivo para assinantes UOL

No Iraque, combatentes do EI diziam ser "cozinheiros" após serem capturados

  • IVOR PRICKETT/NYT

    Homens deslocados suspeitos de serem membros do grupo do Estado islâmico são inspecionados em um centro de triagem de segurança em Kirkuk, no Iraque

    Homens deslocados suspeitos de serem membros do grupo do Estado islâmico são inspecionados em um centro de triagem de segurança em Kirkuk, no Iraque

Milhares de civis que fogem do esforço dos militares iraquianos para expulsar o Estado Islâmico de seu último enclave importante em cidades do Iraque hoje incluem centenas de suspeitos combatentes do grupo extremista, sujos e malvestidos, que chegam aos postos de controle clamando inocência e pedindo misericórdia.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos