Exclusivo para assinantes UOL

Ataques continuam a matar civis no Iêmen, mas EUA dizem que sauditas fazem o suficiente

Ben Hubbard

Em Beirute (Líbano)

  • Saleh Al-Obeidi/AFP

    21.jun.2018 - Integrante de força de segurança leal ao governo dos Emirados Árabes Unidos atua na luta contra os rebeldes huthis, que ocupam a cidade de Hodeida, no oeste do Iêmen

    21.jun.2018 - Integrante de força de segurança leal ao governo dos Emirados Árabes Unidos atua na luta contra os rebeldes huthis, que ocupam a cidade de Hodeida, no oeste do Iêmen

Apesar dos ataques que mataram dezenas de civis de cada vez, o governo Trump garantiu na quarta-feira (12) que a Arábia Saudita e os Emirados árabes Unidos estão fazendo o suficiente para minimizar o impacto mortal de sua campanha militar no Iêmen.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos