Exclusivo para assinantes UOL

Como uma menina de 12 anos ficou no limbo em Djibuti por causa do decreto de Trump

Josh Levin

  • Jose Luis Magana/ AP

    Mulher carrega cartaz com imagem de Donald Trump e onde se lê "você está demitido", durante protesto em Washington

    Mulher carrega cartaz com imagem de Donald Trump e onde se lê "você está demitido", durante protesto em Washington

Na quinta-feira (26), Ahmed Mohammad Ahmed Ali estava maravilhado: sua filha de 12 anos acabara de receber um visto de imigrante. Ali, que tem 38 anos e nasceu no Iêmen, tornou-se cidadão americano em 2010 e vive nos EUA desde 2004. Ele mora com sua mulher e duas outras filhas, todas cidadãs americanas, em Los Banos, na Califórnia. Ali e sua mulher vêm tentando conseguir o "green card" para a outra filha desde 2011. A menina, hoje com 12 anos e que nunca esteve nos EUA, morava no Iêmen com os avós paternos (ela não recebeu a cidadania americana automaticamente porque sua mãe não viveu nos EUA durante cinco anos antes do nascimento da filha).

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos