Topo

Opinião: Vovó quer voltar para casa, mas não sabe que residência foi destruída na Síria

Organização Capacetes Brancos/AP
Crianças são atendidas após suposto ataque com arma química em Duma Imagem: Organização Capacetes Brancos/AP
Exclusivo para assinantes UOL

Abdulhamid Qabbani*

2018-04-15T00:01:00

15/04/2018 00h01

Minha avó, uma dentre os milhões de sírios que foram deslocados pela guerra dentro do país, acaba de completar 90 anos em meio às notícias do ataque químico ocorrido na semana passada em Duma, na periferia...