PUBLICIDADE
Topo

Política

Esse conteúdo é antigo

'Estou concluindo obras dos outros. Não tem dinheiro', diz Jair Bolsonaro

O presidente da República Jair Bolsonaro, posa para foto com operários que participaram das obras de recuperação da pista principal do Aeroporto de Congonhas.                               -                                 Carolina Antunes/PR
O presidente da República Jair Bolsonaro, posa para foto com operários que participaram das obras de recuperação da pista principal do Aeroporto de Congonhas. Imagem: Carolina Antunes/PR

Do UOL, em São Paulo

01/10/2020 20h33

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) admitiu que está concluindo obras de administrações passadas e usou como justificativa o fato de o seu governo não ter dinheiro para investir.

"Estou concluindo obras dos outros. É muito mais barato, até porque a gente não tem dinheiro para começar uma obra nova. Você não gostaria de asfaltar uma rodovia de 2 mil km?", afirmou ele, durante live realizada na noite de hoje.

Hoje Bolsonaro participou da inauguração da segunda etapa do sistema adutor do Pajeú, em São José do Egito, em Pernambuco, e visitou obras do Ramal do Agreste, em Sertânia.

"De Campina Grande fomos para São José do Egito. Inauguramos o último trecho de uma etapa da adutora de Paeu. A obra não começou comigo, alguns querem me criticar logo", acrescentou na live.

No início de setembro, o presidente Jair Bolsonaro preparou um cronograma de inauguração de obras de infraestrutura que, em sua maioria, foram iniciadas nos governos de Lula e Dilma Rousseff (PT), conforme informou o jornal "Folha de S.Paulo".

Das 33 obras prometidas para inaugurar no segundo semestre, 25 foram planejadas pelos petistas, duas começaram a ser executadas no governo Michel Temer (MDB) e seis saíram do papel no governo atual, sendo que algumas já eram discutidas nas gestões passadas.

As obras rodoviárias representariam mais da metade do pacote de entregas, mas apenas uma das 18 intervenções foi inteiramente conduzida pelo atual ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. É uma construção da ponte sobre o rio Paranaíba, na BR-235/PI, entre as cidades de Santa Filomena, no Piauí, e Alto Parnaíba, no Maranhão. O restante fez parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), criado pelo governo do PT em 2007.

Política