AVC é a principal causa de mortes no país, informa ministério

Em São Paulo

As vítimas fatais por AVC (Acidente Vascular Cerebral) chegam a quase 100 mil pessoas no Brasil. Em 2000, o número era 84.13 e passou para 99.726 em 2010. O Ministério da Saúde informa que atualmente a doença responde pela primeira causa de mortes registradas no país.

"Para que consigamos reduzir a taxa de mortalidade é fundamental que a população recorra aos serviços de saúde", afirma o ministro Alexandre Padilha. "Também é necessário que as pessoas se empenhem em adotar hábitos de vida mais saudáveis. A atividade física, sob supervisão adequada, é benéfica para a saúde em geral e retarda o aparecimento de doenças importantes, como o AVC", completa.

Popularmente conhecido como derrame, o AVC atinge 16 milhões de pessoas no mundo a cada ano. Do total, 6 milhões morrem, ou seja, 38% da população. Os sintomas mais comuns são a perda de força muscular de um lado do corpo, fala enrolada, desvio da boca para um lado do rosto, sensação de formigamento no braço, dores de cabeça súbita ou intensa, tontura, náusea e vômito.

Em casos de identificação desses sinais, o Ministério da Saúde recomenda a chamada urgente do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), pelo número 192.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos