Chega a quatro número de mortos no Panamá por furacão Otto

Panamá, 24 Nov 2016 (AFP) - As autoridades panamenhas encontraram, nesta quarta-feira (23), o corpo de um jovem que teria sido surpreendido pelo aumento no volume do rio onde se banhava, o que elevou para quatro o número de mortos no país, após a passagem do furacão Otto.

"O desaparecido do rio Utivé já foi recuperado (...) Infelizmente o jovem perdeu a vida", informou o diretor do Serviço Nacional de Defesa Civil, José Donderis, em entrevista coletiva.

O rapaz, de 18, era procurado há dias, depois de desaparecer no rio Utivé, ao leste da capital panamenha.

Segundo a imprensa local, seu corpo foi encontrado sete quilômetros rio abaixo, de onde foi visto pela última vez.

Os outros mortos são um casal surpreendido em Burunga, na província de Panamá Oeste, por um deslizamento de terra enquanto dormia, e um menino de 9 anos que faleceu na queda de uma árvore sobre o veículo em que estava, perto do colégio.

Agora, as autoridades panamenhas concentram seus esforços para encontrar três estrangeiros desaparecidos após o naufrágio da embarcação "Jessica" frente à costa de Colón, no Caribe.

Os desaparecidos estavam acompanhados de outros três tripulantes, que conseguiram ser resgatados com vida.

Ainda se procura outra pessoa que teria sido soterrada enquanto dormia, depois que sua casa foi arrastada por um mar de terra e lama.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos