Perícia vai analisar peças da ponte que desabou em Fortaleza

No início da noite de domingo, parte da estrutura de uma ponte que estava em construção no bairro Aerolândia cedeu. Dois trabalhadores morreram e três ficaram feridos

Fortaleza - No início da noite de domingo, parte da estrutura de uma ponte que estava em construção no bairro Aerolândia cedeu. Dois trabalhadores morreram e três ficaram feridosEdwirges Nogueira/Agência Brasil

Começaram hoje (23) os trabalhos para apurar as causas do acidente em uma ponte em construção, em Fortaleza. Uma equipe de engenheiros da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) esteve pela manhã no local da obra, no bairro Aerolândia. Eles vão acompanhar o desmonte da estrutura que desabou e algumas peças serão analisadas em laboratório.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE) também vai investigar o acidente. Segundo o presidente do conselho, Victor Frota, oito engenheiros farão parte do grupo que vai periciar a estrutura.

O acidente ocorreu ontem (22) no início da noite. Uma das estruturas metálicas de escoramento utilizadas na construção da ponte sobre o Canal do Lagamar desabou. No momento do acidente, os operários faziam a concretagem de uma das vigas. Dois trabalhadores morreram e três foram levados para o hospital da prefeitura municipal, Instituto Dr. José Frota (IJF), no centro de Fortaleza.

De acordo com o presidente do Crea, a viga que estava sendo concretada tinha a mesma estrutura de outra, ao lado, que já havia passado por esse processo sem nenhum dano. "Os sistemas de escoramento eram exatamente iguais e, na primeira viga, não houve nada. Isso não acontece normalmente, mas pode ocorrer em estruturas pesadas, onde há cargas pesadas e peças grandes."

Dos três feridos que foram levados para o hospital, apenas um permanecia no hospital até o fim desta manhã. Segundo a assessoria de imprensa da unidade, ele estava em observação, mas não corria risco de morte. Um dos trabalhadores foi liberado ainda ontem à noite e o outro teve alta no começo da manhã.

À tarde, o prefeito Roberto Cláudio vai anunciar a composição da comissão que vai analisar as possíveis causas do acidente. Além de órgãos da Prefeitura, o grupo será composto por entidades externas, como Ministério Público do Trabalho e Polícia Civil.

A obra da ponte que desabou faz parte de uma intervenção no cruzamento das avenidas Governador Raul Barbosa e General Murilo Borges, no bairro Aerolândia, que também inclui a construção de uma rotatória. A finalização das obras está prevista para o segundo semestre deste ano.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos