Justiça condena dois acusados de envolvimento em estupro coletivo no Rio

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

A 2ª Vara Criminal Regional de Jacarepaguá condenou ontem (20) dois acusados de participar do estupro coletivo de uma adolescente de 16 anos em maio do ano passado, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. A Justiça considerou que Raí de Souza e Raphael Assis Duarte Belo participaram do estupro, ocorrido em 21 de maio de 2016 na comunidade do Barão, em Jacarepaguá, na zona oeste da cidade do Rio.

Eles foram condenados a 15 anos de prisão em regime inicialmente fechado. Além disso, eles precisarão pagar 306 dias-multa. O terceiro acusado, Moisés Camilo Lucena, ainda não foi julgado, porque, apesar de ter sua prisão preventiva decretada pela Justiça, continua foragido.

O processo tramita em segredo de Justiça, devido à necessidade de preservar a imagem e a identidade da adolescente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos