BC projeta continuidade de resultados positivos nas contas externas em maio

Kelly Oliveira - Repórter da Agência Brasil

As contas externas devem registrar em maio deste ano o terceiro resultado positivo seguido. A projeção do Banco Central (BC) é que o superávit em transações correntes, que são as compras e as vendas de mercadorias e serviços e transferências de renda do país com o mundo, fique em US$ 1,5 bilhão. De acordo com dados divulgados hoje (23), em abril, o saldo positivo ficou em US$ 1,153 bilhão.

A expectativa do BC é de resultado positivo mesmo com a crise política gerada após a divulgação pelo jornal O Globo de parte da delação da empresa JBS, envolvendo o presidente da República, Michel Temer, e o senador afastado do PSDB, Aécio Neves.

"Com o evento da semana passado, tivemos aumento de incertezas, mas a mensagem é que o Banco Central atua para manter o bom funcionamento do mercado", disse o chefe adjunto do Departamento Econômico do BC, Fernando Rocha.

No dia 18, primeiro dia de funcionamento do mercado financeiro após a divulgação da delação, houve mais entrada de dólares do que saídas nos segmentos comercial e financeiro, no total de US$ 2,338 bilhões. No dia seguinte (19), o saldo também foi positivo: US$ 1,124 bilhão. "Nesses dois dias, houve ingressos líquidos no mercado de câmbio doméstico. Quanto às incertezas, tem que ver como esse cenário evolui", acrescentou.

"É muito difícil definir precisamente o que está acontecendo em um dia específico no mercado de câmbio. Teve um aumento na taxa de câmbio que pode ser favorável para o exportador que decida internalizar [trazer o dinheiro para o país] recursos", acrescentou Rocha.

Investimento estrangeiro

Rocha disse ainda que o BC projeta continuidade da entrada de investimento estrangeiro direto no país, recursos aplicados no setor produtivo. Neste mês, até a última sexta-feira (19), houve ingresso de US$ 1,4 bilhão. A projeção para todo o mês de maio é de US$ 2,8 bilhões. "Para os próximos períodos a expectativa é que o investimento direto continue sendo a principal fonte de financiamento do déficit em transações correntes", disse Rocha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos