PUBLICIDADE
Topo

Temer: saque do PIS/Pasep antecipará injeção de novos valores na economia

Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil

23/08/2017 14h32

A liberação do saque de contas inativas do FGTS  injetou  R$ 44 bilhões  na  economia,  lembrou  o presidenteAntonio Cruz/Arquivo/Agência Brasil Em meio à adoção de medidas para aquecer a economia do país, o presidente Michel Temer disse hoje (23) que os R$ 16 bilhões que poderão ser sacados das contas do PIS/Pasep por homens, a partir de 65 anos, e mulheres, a partir de 62, representarão uma injeção antecipada de novos recursos na economia. Temer assinou nesta quarta-feira medida provisória que reduz dos atuais 70 anos a idade mínima para o saque. O presidente lembrou que, com a liberação de saques contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviços (FGTS), autorizada pelo governo, foram injetados R$ 44 bilhões na economia. Segundo Temer, tal valor beneficiou a produção e vendas do varejo no país. "Estamos, antecipadamente, injetando novos valores na economia brasileira", disse em discurso durante cerimônia no Palácio do Planalto. E completou "Isso tudo será uma injeção na economia, além do que se cumpre mais uma função social". O pagamento será iniciado em outubro. De acordo com o Ministério do Planejamento, a medida vai beneficiar 8 milhões de pessoas. O calendário de saques ainda será divulgado pelo governo.