Presidente do PT critica aprovação de projeto que muda partilha do pré-sal

De São Paulo

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, criticou a aprovação do projeto do senador tucano José Serra (SP) que retira a obrigatoriedade de participação da Petrobras nos campos de pré-sal. "O PT marchará ao lado das demais forças progressistas, dos movimentos populares e sindicais contra este ataque à soberania nacional e ao nosso desenvolvimento independente", diz o petista em nota

Ele repetiu nos textos os ataques que fez mais cedo, em sua conta na rede de microblog Twitter, contra a aprovação da proposta de Serra. No Twitter, Falcão disse que o PT já se posicionou e iria continuar se posicionando contra qualquer mudança no pré-sal e "contra o entreguismo golpista".

Na nota divulgada, Falcão diz que, mesmo atenuado em sua versão substitutiva, o projeto fragiliza o regime de partilha e a política de conteúdo nacional. "A bancada de senadores petistas, em conjunto com seus principais aliados, entre os quais destaco o senador Roberto Requião (PMDB-PR), se comportou com firmeza e bravura, solidária à orientação partidária, votando contra o PL 131", diz o presidente do PT, destacando que os deputados federais aliados à sigla continuarão "combatendo a medida na Câmara".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos