Alan Marques/Folhapress

Processo de impeachment

Planalto oferece Integração a ala do PP que se manteve contra impeachment

Em Brasília

  • Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

    Gilberto Occhi renunciou ao ministério nesta quarta-feira; governo afirma que ele foi demitido

    Gilberto Occhi renunciou ao ministério nesta quarta-feira; governo afirma que ele foi demitido

O Palácio do Planalto fechou nesta quarta-feira (13) que entregará o Ministério da Integração Nacional a um indicado da ala do PP que se manteve fiel ao governo contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff. O novo ministro será o atual secretário nacional de Irrigação da pasta, José Rodrigues Pinheiro Dória.

Dória é ligado aos deputados Ronaldo Carleto e Roberto Brito, ambos do PP da Bahia.

O ministério era comandado por Gilberto Occhi, que nesta quarta-feira renunciou ao cargo. Representantes do governo dizem, no entanto, que ele foi demitido e sua saída será oficializada no Diário Oficial da União (DOU) já nesta quinta-feira (14).

Occhi é ligado ao presidente nacional da legenda, senador Ciro Nogueira (PI), que na terça-feira (12) rompeu com o governo e orientou a entrega dos cargos como "gesto de grandeza".

Com a nomeação, os governistas acreditam que podem angariar mais cinco votos contrários ao impeachment.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos