Renan cobra presença de Janot em novo debate do Senado sobre abuso de autoridade

De Brasília

  • Alan Marques/Folhapress

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), cobrou a presença do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no próximo debate sobre o projeto de lei do abuso de autoridade no plenário da Casa, previsto para o dia 1º dezembro.

A presença de Janot estava prevista na sessão desta quarta-feira, 23, porém o procurador-geral declinou do convite alegando que participaria de uma sessão no Supremo Tribunal Federal (STF) no mesmo horário. No lugar de Janot, participou do evento a subprocuradora-geral Luiza Frischeisen.

"Teremos uma outra sessão temática com as presenças do ministro Gilmar Mendes e do juiz Sérgio Moro. Talvez fosse o caso de a senhora pedir ao procurador-geral que nós estamos encarecendo a sua presença para este debate", disse Renan à subprocuradora.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos