Freire: lei de incentivo é necessária e não é ela que provoca a má gestão

Ribeirão Preto, 28 (AE) - O ministro da Cultura, Roberto Freire, defendeu a necessidade de leis de incentivo ao setor, como a Lei Rouanet, e apoiou investigações em possíveis irregularidades na sua aplicação. "Lei de incentivo para a cultura é necessária e não é ela que provoca a má gestão", disse Freire, durante entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira (28).

Freire citou as investigações de irregularidades e ilícitos pela Polícia Federal e pelo Ministério Público. "Não é a lei que provoca a corrupção, é a gestão falha e o que se beneficiou. Na mudança das normas, vamos caminhar para uma maior transparência e em uma nova plataforma aos projetos que derem entrada no ministério", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos