Jornalista da Globo é detido em Salvador após confusão com PMs

Felipe Santana, jornalista da Globo, foi detido em Salvador na noite do último domingo, 26, após uma confusão com policiais militares. Ele e um amigo, também jornalista, Bruno Aversa Dellalata, foram acusados de desacato. Os dois afirmam que os PMs foram truculentos na ação.

A confusão aconteceu no circuito Osmar, no centro da capital baiana. Dellalata teve um ferimento no supercílio e está sob observação no Hospital Aliança. Santana foi à Central de Flagrantes para prestar depoimento. O outro jornalista fará o mesmo quando for liberado do hospital.

Os policiais envolvidos no caso também apresentaram ferimentos, na boca e no braço, e já foram ouvidos. O caso será investigado pela Polícia Civil, com o acompanhamento do Comando Geral da PM.

Confira a nota na íntegra:

"A Secretaria da Segurança Pública determinou a apuração rigorosa de uma situação envolvendo uma patrulha da Polícia Militar e dois jornalistas. O caso aconteceu no circuito Osmar (Centro), na noite deste domingo (26).

Informações preliminares dão conta de que jornalistas e policiais se desentenderam. O caso foi para a Central de Flagrantes do Passeio Público. Os policiais alegam desacato e, a dupla, truculência policial. Um dos jornalistas, Bruno Aversa Dellalata, teve um ferimento no supercílio e foi encaminhado ao posto médico para atendimento e, em seguida, para o Hospital Aliança, onde permanece em observação.

O outro jornalista, Felipe Tomaz Sant'ana, foi ouvido na Central de Flagrantes. Os militares envolvidos também prestaram depoimentos. Todos os envolvidos serão encaminhados para fazer exame de corpo de delito, já que dois PMs também apresentaram ferimentos na boca e no braço.

No circuito Osmar, foi conduzido para averiguação, após desentendimento com uma guarnição da PM, o jornalista Felipe Tomaz Sant'ana. Ele foi ouvido na Central de Flagrantes e liberado, assim como os policiais envolvidos na situação. O colega dele, Bruno Aversa Dellalata, teve um ferimento no supercílio e está em observação no Hospital Aliança e prestará depoimento assim que liberado. A Polícia Civil já instaurou um inquérito para apurar o caso e iniciou a ouvida de testemunhas que presenciaram o fato."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos