Tasso Jereissati: Não acredito em debandada do PSDB

Isabela Bonfim e Julia Lindner

O presidente interino do PSDB, Tasso Jereissati (CE), disse não acreditar que a decisão da comissão executiva do partido de permanecer no governo Michel Temer possa gerar uma debandada de parlamentares.

"O partido ficou unido, todos se comprometeram a seguir a orientação. Não acredito em debandada, a decisão foi ponderada. Nenhum deputado durante a reunião falou em sair do partido", afirmou. De acordo com o senador, o PSDB permanece em monitoramento diário. "Todos os dias vamos observar os acontecimentos", afirmou.

Tasso destacou que a convenção nacional do PSDB será antecipada. A data, a ser definida em reunião da executiva na próxima semana, depende dos compromissos do senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente licenciado do partido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos