Hope Solo é suspensa por 6 meses após criticar suecas no Rio

SÃO PAULO, 25 AGO (ANSA) - A goleira norte-americana Hope Solo foi suspensa da seleção dos Estados Unidos por seis meses, após ter chamado as jogadoras suecas de "covardes" nos Jogos Olímpicos do Rio.   


"Os comentários feito por Hope Solo após o jogo contra a Suécia são inaceitáveis e não estão de acordo com o padrão de conduta que exigimos dos atletas da nossa seleção", declarou Sunil Gulati, presidente da federação norte-americana de futebol, em comunicado.   


Em partida válida pelas semifinais das Olimpíadas, a seleção sueca eliminou as norte-americanas nos pênaltis, depois de um empate em 1 a 1 no tempo regulamentar. De acordo com Hope Solo, a Suécia se defendeu demais durante o jogo.   


"Além dos resultados, as Olimpíadas celebram e representam os ideais de jogo limpo e respeito. Nós esperamos que todos os nossos representantes honrem esses princípios, sem exceções", afirmou Gulati.   


A goleira respondeu à suspensão e pediu desculpas a todos. "Eu me desculpo por desapontar minhas companheiras de equipe, técnico e a federação, que sempre me apoiaram. Acho que o melhor para mim é dar um tempo, aliviar o estresse", escreveu a atleta.   


Esta não foi a primeira vez que Hope Solo fez comentários polêmicos após sua seleção ser eliminada. Na Copa do Mundo de 2007, ela criticou sua substituta Briana Scurry por sua performance. Na ocasião, as norte-americanas perderam de 3 a 0 da Alemanha. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos