Conheça 10 destinos para 'caçar estrelas'

ROMA, 25 ABR (ANSA) - Nada melhor para relaxar e esquecer qualquer problema do que observar o céu à noite, com todas as suas estrelas e fenômenos astronômicos, como chuvas de meteoros, eclipses e passagens de cometas. A olho nu ou com potentes telescópios, olhar todo o universo que existe além da Terra é mágico e pode ser uma boa atividade para se fazer até durante as férias. Por isso, conheça 10 lugares ao redor do mundo famosos pelo "turismo estelar$escape.getQuote().Cerro Paranal, Chile - No deserto do Atacama, no norte do Chile, encontra-se o Cerro Paranal, famosa locação para aventureiros. A região também hospeda, a 2.635 metros de altura, um grande observatório, administrado pelo European Southern Observatory e que conta com um telescópio enorme, de alta tecnologia e com quatro aparelhos óticos refletores. Com um clima seco, favorável à observação do céu também por não contar com muitas luzes artificiais de cidades e de estradas, a região desértica também oferece passeios noturnos especiais para se admirar as estrelas, que partem de municípios como São Pedro de Atacama. Vale del Elqui, Chile - Ainda no Chile, cerca de 500 quilômetros a norte de Santiago, encontra-se o mágico Vale del Elqui, lugar onde a falta de iluminação artificial e a baixa poluição permitem que o céu seja observado perfeitamente. No local, diversos países instalaram seus telescópios em observatórios, como os de Cerro Tololo, Gemini Sur e La Silla. A região também conta com espaços de observação do céu mais voltados para turistas, como o de Cerro Mamalluca e o do Pangue, que organizam visitas guiadas todos os dias. Roque de los Muchachos, Espanha - No pico vulcânico de Roque de los Muchachos, em La Palma, nas Ilhas Canárias, o céu é tão limpo de luzes artificiais e de poluição que, quando chega a noite, as estrelas quase podem ser tocadas com a mão. No local, a 2.420 metros acima do nível do mar e aos pés do Parque Nacional da Caldera de Taburiente, foi construído há 32 anos um dos maiores observatórios do mundo. O complexo astronômico conta com 15 potentes telescópios, como o italiano Galileo e o espanhol Grantecán, e é administrado por vários países europeus. Segundo especialistas, a área é ótima para se olhar o céu pela falta de perturbações, o que se deve à inversão térmica que os fortes ventos da região registram, que purificam o ar com uma espécie de filtro natural da poluição. Mauna Kea, Havaí - O Havaí não é conhecido apenas pelas ondas perfeitas para o surfe. A ilha norte-americana conta com um belo observatório em cima do vulcão Mauna Kea, a 4.205 metros acima do nível do oceano. O espaço tem um diversificado conjunto de telescópios de vários países além dos Estados Unidos. Para visitar o local, os visitantes antes têm que fazer uma parada de ao menos 30 minutos em uma estação do distrito astronômico situada a 2.775 metros de altura para se acostumarem com a alta pressão atmosférica. Socorro, Estados Unidos - Na estação de Socorro, a duas horas de carro de Albuquerque, cidade no estado norte-americano do Novo México, se encontra um sistema de potentes radiotelescópios (Very Large Array) com 27 antenas parabólicas que foram uma gigantesca letra Y. Mais do que observar o céu, os visitantes têm a oportunidade de conhecer o complexo, que também conta com um teatro, um museu e até uma loja de lembrancinhas, e que foi uma das locações do famoso filme "Contato", de 1997. Mackenzie Region, Nova Zelândia - É em cima do Monte Cook ou Aoraki, na Nova Zelândia, que se encontra a maior "reserva do escuro" do mundo. A Aoraki Mackenzie International Sky Reserve conta com 4,3 mil quilômetros quadrados onde, graças à falta de luzes artificiais, a observação do céu é de tirar o fôlego. Da reserva é possível ver as Nuvens de Magalhães, duas estrelas anãs irregulares satélites da Via Láctea. Galloway, Escócia - O Parque Florestal de Galloway é uma área natural de 77 quilômetros quadrados de vales repletos de árvores nas colinas do sul da Escócia. Este foi o ambiente escolhido pela International Dark-Sky Association como o melhor local para se observar as estrelas no país, a olho nu, apenas com binóculos ou com telescópios. Para a última opção foi criado o Scottish Dark Sky Observatory, que permite com que os visitantes observem os corpos celestes a partir de dois telescópios. Alqueva, Portugal - O Portugal também conta com uma "Dark Sky Reserve". A região do Alentejo foi o primeiro lugar no mundo certificado pelo projeto da Unesco Starlight como destino para o "turismo estelar". Em uma área de 3 mil quilômetros quadrados que cobrem as cidades e vilas de Alandroal, Barrancos, Moura, Mourão, Reguengos de Monsaraz e Portel, aliás, a observação do céu estrelado é particularmente favorável e organizada por estruturas que hospedam os "astro turistas". Já ao longo da Alqueva Dark Sky Route existem estações astronômicas com telescópios e binóculos além de hotéis e pousadas para quem ama as estrelas. Perinaldo, Itália - Na pequena cidade de Perinaldo, na região italiana da Ligúria, pode-se admirar a paisagem celeste do observatório G.D. Cassini, que possui vários instrumentos astronômicos, como um telescópio newtoniano e outros para observação do sol. Do lado do espaço, encontra-se um interessante museu e o "jardim das estrelas", uma esquina reservada para se obsevar o céu a olho nu. Úmbria e Abruzzo, Itália - Outras duas regiões da Itália, a de Úmbria e de Abruzzo, também contam com ótimos lugares para se ver o céu. Na primeira, os montes Sibillini são os espaços mais isolados dos famosos Apeninos, que não contam com iluminação artificial e apresentam uma "escuridão certificada$escape.getQuote().O local já recebeu o certificado da Astronomitaly, a primeira rede de turismo astronômico do país. Já em Abruzzo, o observatório de Campo Imperatore, no Monte Gran Sasso, é localizado a 2,2 mil metros de altura e possui dois telescópios para observar supernovas.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos