Denúncia contra Temer é lida na Câmara dos Deputados

SÃO PAULO, 29 JUN (ANSA) - A denúncia contra o presidente Michel Temer por corrupção passiva foi lida no plenário da Câmara dos Deputados no início da tarde desta quinta-feira (29), dando início a sua tramitação no Congresso.   


A leitura foi feita pela segunda secretária da Mesa Diretora da Casa, a deputada Mariana Carvalho (PSDB), para um público de algumas poucas dezenas de parlamentares. O próximo passo é a notificação de Temer, que será realizada ainda nesta quinta pelo primeiro secretário da Câmara, Fernando Giacobo (PR).   


Em seguida, a denúncia será enviada à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que dará um prazo de 10 sessões parlamentares para o presidente se defender e de mais cinco para o relator, ainda não definido, apresentar seu parecer recomendando a abertura ou não do processo.   


O relatório será votado pelo plenário da Câmara, mas Temer só se tornará réu se a denúncia tiver o apoio de 342 dos 513 deputados, dois terços do total, e se, no passo seguinte, a maioria dos 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) assim decidir.   


Caso isso aconteça, o peemedebista será afastado da Presidência por até 180 dias e julgado pelo STF. A denúncia foi recebida pela Câmara na manhã desta quinta e acusa Temer de ser o destinatário dos R$ 500 mil entregues pela JBS ao ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures, o "homem da mala". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos