PUBLICIDADE
Topo

Internacional

O protetor dos gatos abandonados na Síria em guerra

Reprodução
Imagem: Reprodução

30/09/2016 19h56

Mohammad Alaa Jaleel vive em Aleppo, na Síria, onde mantém um santuário para gatos deixados para trás por moradores da cidade.

Segundo maior centro urbano do país, Aleppo é hoje um dos principais campos de batalha da guerra civil que assola o país. Foi destruída pelo conflito e abandonada por seus milhões de moradores.

Jaleel permaneceu em Aleppo, onde já mantinha um santuário para os felinos, e começou a receber novos animais que não foram levados por quem fugiu da guerra.

Antes, havia no local de 20 a 30 animais. Hoje, são mais de cem.

Internacional