Eurogrupo aprova nova parcela de resgate à Grécia

Ministros da zona do euro liberam 10,3 bilhões de euros como parte do terceiro pacote de resgate à economia grega. FMI defende alívio da dívida de Atenas.

Reunidos em Bruxelas, os ministros da zona euro concordaram nesta quarta-feira (25/05) em liberar uma nova parcela do terceiro pacote de resgate financeiro à Grécia, orçada em 10,3 bilhões de euros.

De acordo com comunicado do Eurogrupo, a primeira parcela, de 7,5 bilhões de euros, será liberada em junho. A segunda, de 2,8 bilhões de euros, deve ser disponibilizada depois do verão europeu, caso a Grécia cumpra os compromissos assumidos.

Segundo o comissário europeu de Assuntos Econômicos, Pierre Moscovici, a Grécia "deu provas de responsabilidade" com a aprovação do pacote de austeridade no último domingo.

Os parlamentares gregos votaram a favor da aceleração das privatizações, a liberação da venda de fundos de investimento, a redução de pensões e o aumento de impostos.

FMI e o alívio da dívida

O presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, informou que um possível alívio da dívida grega será avaliado apenas ao final do programa de resgate, em 2018.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) deve participar desde que a "análise da reestruturação da dívida mostre que a mesma se torne sustentável", afirmou o diretor da delegação do FMI na Europa, Poul Thomsen. O órgão defende o alívio da dívida alegando que ela é "insustentável".

Com o anúncio da liberação da parcela, as principais bolsas europeias iniciaram o dia em alta. O dinheiro deverá ser usado pelo governo grego para pagar a dívida e contas pendentes com o Banco Central Europeu (BCE) e o FMI.

O terceiro pacote de resgate ao país, orçado em 86 bilhões de euros, foi aprovado em agosto de 2015 e tem duração de três anos.

KG/lusa/afp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos