Cruz declara apoio a Trump

Após polêmica, senador republicano reconsidera decisão de não apoiar oficialmente magnata e, ao justificar mudança, alega que Trump é o único capaz de impedir Hillary Clinton de chegar à Casa Branca.

O senador republicano Ted Cruz voltou atrás nesta sexta-feira (23/09) sobre a decisão de não dar apoio oficial à candidatura de Donald Trump e disse que votará no magnata para presidente nas eleições americanas de novembro. O político afirmou ainda que Trump é o único candidato que pode parar a democrata Hillary Clinton.

"Após muitos meses de uma cuidadosa consideração, de oração e busca da minha própria consciência, decidi que no dia das eleições votarei no candidato republicano, Donald Trump", anunciou o senador.

Durante a convenção republicana em julho, Cruz, que foi o segundo colocado nas primárias do partido, bem atrás de Trump, apenas felicitou o magnata pela sua nomeação como candidato republicano à Casa Branca, mas não lhe ofereceu apoio, e pediu ainda aos republicanos que votem de acordo com sua consciência.

O discurso causou polêmica e Cruz chegou a ser vaiado pelos delegados presentes. Trump reagiu dizendo que não precisava do apoio do rival.

Ao justificar a mudança de opinião, o senador alegou que, ao declarar sua pré-candidatura para as primárias do partido no ano passado, prometeu apoiar o candidato que fosse indicado e que, apesar de não concordar com Trump em aspectos importantes, ele não deseja que Hillary seja eleita presidente.

Após a declaração de Cruz, Trump disse ser uma honra receber o apoio do senador. "Lutamos uma batalha e ele foi um oponente brilhante e duro. Estou ansioso para trabalhar com ele nos próximos anos", completou o candidato.

CN/efe/rtr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos