PUBLICIDADE
Topo

Mundo do futebol lamenta desastre da Chapecoense

29/11/2016 09h30

Torcedores, jogadores e clubes lamentam a tragédia e usam perfis no Twitter para manifestar solidariedade e apoio ao clube catarinense.O acidente aéreo envolvendo o time de futebol da Chapecoense é o assunto mais comentado do Twitter na manhã desta terça-feira (29/11). A hashtag #forçaChape já reúne mais de 800 mil tweets. Torcedores, jogadores e clubes usaram as redes sociais para lamentar a tragédia e manifestar solidariedade e apoio ao clube catarinense. Confira abaixo as principais publicações sobre o acidente:JogadoresNeymar CafuRobinhoClubes estrangeirosManchester United - InglaterraO clube inglês passou por uma tragédia semelhante, em fevereiro de 1958, quando a aeronave, que tentava decolar pela terceira vez, acidentou-se no aeroporto de Munique.Torino - ItáliaNa década de 40, o Torino tinha uma das equipes mais fortes da Europa. Na volta de um amistoso em Lisboa, contra o Benfica, todos os passageiros a bordo morreram. Era o fim do Grande Torino, que também era a base da seleção italiana. O clube também mostrou solidariedade à Chapecoense.Bayern de Munique - AlemanhaBorussia Dortmund - AlemanhaO time alemão escreveu uma mensagem em português de apoio à Chapecoense.Real Madrid - EspanhaO time espanhol divulgou um comunicado oficial no qual lamenta a tragédia aérea e presta condolências aos parentes e amigos das vítimas.Paris Saint-Germain - FrançaFC Barcelona - EspanhaO time divulgou uma foto em que os jogadores do Barcelona fazem um minuto de silêncio antes do treino do dia, em homenagem à equipe da Chapecoense. Clubes brasileirosAssociação Chapecoense de Futebol - SCA página oficial da equipe publicou uma foto de luto.Sport Club Corinthians Paulista - SPSão Paulo Futebol Clube - SPSantos Futebol Clube - SPClube de Regatas do Flamengo - RJClub de Regatas do Vasco da Gama - RJBotafogo de Futebol e Regatas - RJClube Atlético Paranaense - PRClube Náutico Capibaribe - PEO acidente ocorreu na madrugada desta terça-feira (29/11) numa região montanhosa nas proximidades de Medellín, no noroeste da Colômbia. A equipe da Chapecoense viajava para Medellín, onde disputaria a primeira das duas partidas finais da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, da Colômbia, nesta quarta-feira. A partida foi suspensa pela Conmebol, bem como todas as atividades da confederação.NT/ots