"Vida" após a morte na era digital

Cientistas se preocupam com a vida virtual que levamos. Quando alguém morre, os dados compartilhados, os arquivos salvos em HD?s externos não morrem junto.Depois de virtualizar tanta coisa, a tecnologia agora precisa dar conta não só da nossa vida, mas da nossa morte digital. As pessoas, quando morrem, deixam para trás não apenas bens físicos. Ficam online páginas em redes sociais, celulares, mídias de armazenamento de dados, etc. Esse é um os temas em destaque no Futurando desta semana. Vamos falar mais uma vez sobre como estamos vulneráveis na grande rede. As ferramentas chamadas add-on são para dar segurança, só que acabam fornecendo dados pessoais. Há casos até de autoridades do judiciário espionadas por esses softwares. Cada vez mais é possível pagar com Bitcoins. A moeda digital é aceita em diversos lugares no mundo e já tem até empresa produzindo caixas automáticos só delas. Ao mesmo tempo em que a moeda representa independência do sistema bancário, existem também desvantagens. O programa revela também os últimos desafios da microeletrônica. Mais de cinco décadas atrás, o físico americano Gordon Moore previu que chips teriam componentes cada vez menores. Chegamos a um estágio de desenvolvimento em que ainda menor não dá mais. Cientistas do Instituto Leibniz, na Alemanha, estão em busca de novos materiais para criar o chip do futuro. Você que curte robótica, não pode perder de jeito nenhuma uma reportagem que conta a longa história de 500 anos dos robôs humanóides. A nossa equipe visitou uma exposição em Londres com 100 modelos. Tem até um do século 16. Não perca! O programa O Futurando traz novidades sobre ciência, meio ambiente e tecnologia e é produzido todas as semanas pela redação brasileira da Deutsche Welle, em Bonn, na Alemanha. O programa é exibido no Brasil pelo Futura às segundas-feiras, às 21h30 com reprise sexta e domingo; pela Rede Minas aos sábados, às 14h30, com reprise às sextas-feiras, às 13h30; pela TV Brasil todos os sábados às 12h, com reprise aos domingos às 15h30; pela TV Cultura aos domingos às 23h30; pela TV Câmara Tupã todos os sábados às 18h, com reprise às terças-feiras, às 19h40 e pela TV Climatempo aos sábados às 9h30, com reprise às terças e aos domingos. Você também pode ver vídeos do programa no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro. O Futurando é transmitido ainda em Moçambique pela Rede Tim, aos sábados, às 14h30.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos