Chineses são detidos em Berlim por fazerem saudação nazista

  • REUTERS/Pawel Kopczynski

    Vista geral do Reichstag, o parlamento alemão, em Berlim

    Vista geral do Reichstag, o parlamento alemão, em Berlim

Dois turistas chineses foram detidos neste sábado (5), em Berlim, por fazerem a saudação nazista diante do Reichstag, o prédio que abriga o Parlamento alemão.

Segundo a polícia da capital alemã, eles fotografaram um ao outro fazendo o gesto, que é proibido na Alemanha, com telefones celulares.

Os dois turistas, de 36 e 49 anos, foram acusados de "uso de símbolos de organizações ilegais" e podem responder a processo.

Eles foram liberados mediante o pagamento de uma multa de 500 euros para cada um, afirmou a polícia.

A saudação nazista, também conhecida como "Heil Hitler", é proibida na Alemanha.

O Reichstag é um prédio de elevado valor simbólico. Em 1933, pouco depois da chegada de Adolf Hitler ao poder, um incendiário tocou fogo na cúpula do prédio. Os nazistas culparam os comunistas pelo incêndio e usaram o incidente para implementar uma série de restrições civis.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos