PUBLICIDADE
Topo

Polícia francesa não tinha fichado 3º morto do apartamento de Saint-Denis

21/11/2015 17h35

Paris, 21 nov (EFE).- A polícia francesa não tinha fichado o suposto terrorista morto no apartamento de Saint-Denis que foi inspecionado pelas forças da ordem na quarta-feira, o único dos três que até agora não foi identificado, informou neste sábado a emissora "BFM TV".

Os investigadores, segundo a imprensa local, conseguiram isolar seu DNA graças a fragmentos de seu corpo encontrados entre escombros do apartamento, situado na periferia norte de Paris, no qual terroristas se refugiavam.

Os dados do suspeito, comparados com o Arquivo Nacional Automático de DNA (FNAEG, sigla em francês), não correspondem com o de nenhuma pessoa condenada ou acusada na França.

A inspeção à casa de Saint-Denis, que durou sete horas, fez parte de uma operação dirigida contra o belga Abdelhamid Abaaoud, considerado o mentor dos atentados de Paris na semana passada, nos quais 130 pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridos.

Abaaoud morreu, assim como uma suposta parente sua, Hasna Aitboulahcen, e esta terceira pessoa que ainda não foi identificada pelas autoridades.

Notícias