Bombardeio de coalizão saudita no Iêmen mata 25 em mercado perto de Sana

Sana, 27 fev (EFE).- Pelo menos 25 civis morreram e 30 ficaram feridos neste sábado em um bombardeio da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita contra um mercado no município de Nehm, perto da capital do Iêmen, Sana.

Uma fonte da segurança local, citada pela agência iemenita "Saba", controlada pelos rebeldes houthis adversários da coalizão, afirmou que foram 60 as vítimas, entre mortos e feridos.

Segundo as testemunhas, no mercado, na região de Jalqa, a 60 quilômetros da capital, havia um grande número de pessoas no momento do ataque, muitas delas mulheres.

A região sofre com enfrentamentos entre os rebeldes houthis e as forças leais ao presidente Abdo Rabbo Mansour Hadi, apoiadas desde o ar por aviões da coalizão internacional liderada pela Arábia Saudita.

A aviação da coalizão pró-Hadi lança há mais de dois meses dezenas de bombardeios diários contra posições dos rebeldes xiitas na região de Nehm, para facilitar o avanço das tropas do presidente Hadi rumo a Sana.

O país está imerso em uma sangrenta guerra desde que em março de 2015 a coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita iniciou uma grande campanha de bombardeios contra os rebeldes, que controlam boa parte do país, incluída a capital.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos