Queda de avião bimotor deixa 7 mortos no Canadá

Toronto (Canadá), 29 mar (EFE).- Sete pessoas morreram nesta terça-feira, entre elas um ex-ministro canadense, na queda de um avião durante a tentativa de aterrissagem no aeroporto das Ilhas Madalena, na parte leste do Canadá.

A polícia nacional e o departamento policial da província de Québec confirmaram em comunicado que todos os sete ocupantes da aeronave acidentada - um pequeno avião privado - morreram no acidente.

As autoridades já tinham advertido sobre a presença de fortes ventos na região pouco antes da tentativa de aterrissagem.

A imprensa local informa que um dos ocupantes é o ex-ministro federal Jean Lapierre, que pode estar viajando com parentes ao arquipélago das Ilhas Madalena, situadas no Golfo de São Lourenço, 1,5 mil quilômetros ao leste de Toronto.

O acidente aconteceu por volta das 12h40 locais (13h40 em Brasília) quando o bimotor Mitsubishi se preparava para aterrissar no aeroporto de Cap-aux-Meules.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos