Adolescente colombiana de 15 anos sobrevive à queda do 26º andar

Em Cartagena (Colômbia)

Uma adolescente colombiana de 15 anos sobreviveu após cair do 26º andar na piscina de um prédio de Bocagrande, em Cartagena de Índias, confirmaram nesta sexta-feira (12) fontes médicas.

A menor sofreu "fratura na escápula esquerda, contusão pulmonar, contusão hepática, fratura do púbis e lacerações em múltiplas partes do corpo", disse o médico Hernando Pinzón, diretor da Fundação Hospital Infantil Napoleão Franco Pareja, onde ela foi internada na madrugada de ontem.

"A menina se encontra hemodinamicamente estável e consciente, recebe analgésicos, antipiréticos e antibióticos", disse Pinzón, explicando que a equipe médica está "muito satisfeita com a evolução de seu quadro".

O médico explicou que a menor permanece assistida na "parte de sua saúde mental e embora até o momento não tenha sido feita nenhuma cirurgia é muito provável que nas próximas horas, quando já estiver totalmente estabilizada, operem sua pélvis".

O pai da adolescente, Manuel Mendoza Manga, disse à Agência Efe por telefone que não sabe bem o que aconteceu porque ele está fora da cidade.

A família Mendoza é vítima do conflito armado e, devido aos problemas econômicos, o pai tinha ido para Cali para procurar trabalho enquanto a menor ficou com um tio em Cartagena, onde ganha a vida com música.

"O que me disseram é que ela estava tocando com uma banda na praia de Bocagrande e não sei como a levaram ao edifício à força e a obrigaram a usar drogas", afirmou o pai da menina, identificada como D.L.

A adolescente é a mais velha de cinco irmãos e a família foi deslocada há alguns anos por paramilitares do município de Carmen de Bolívar, de onde são oriundos.

O subcomandante da Polícia Metropolitana de Cartagena, coronel Wilson González, disse que, segundo testemunhas, houve no apartamento uma discussão pela aparente perda de objetos de valor. "Está se verificando se a empurraram para fugir ou se proteger ou se ela jogou pela janela."

Um homem que foi detido por este fato e "está esperando que se defina sua situação por parte da autoridade competente", acrescentou o coronel González.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos