Governo das Bermudas diz que danos de furacão poderiam ter sido muito maiores

San Juan, 14 out (EFE).- As autoridades das Bermudas assinalaram nesta sexta-feira que os danos provocados no arquipélago pela passagem do furacão Nicole na quinta-feira poderiam ter sido muito maiores, já que o ciclone não deixou vítimas mortais neste território ultramarino britânico.

"Podemos respirar tranquilos. Poderia ter sido muito pior", resumiu o primeiro-ministro de Bermudas, Michael Dunkley, no balanço que fez sobre os danos provocados pelo furacão Nicole, que cruzou as ilhas mais povoadas do arquipélago ao meio-dia (horário local) de ontem com categoria 3 na escala Saffir-Simpson.

Dunkley indicou que agora é hora de quantificar os danos, que incluem tetos arrancados de casas, estradas e imóveis inundados, muros derrubados e postes de luz caídos, entre outras imperfeições.

O serviço de fornecimento de energia elétrica entrou em colapso, por isso 27 mil clientes da companhia nacional Belco ficaram sem luz durante grande parte da quinta-feira, mas o serviço já foi majoritariamente restabelecido.

A ponte que liga a capital Hamilton com o aeroporto Internacional L.F. Wade, a principal infraestrutura do território, não sofreu danos de consideração.

O arquipélago das Bermudas está situado a cerca de 1.000 quilômetros do litoral norte dos Estados Unidos, na altura do estado da Carolina do Norte, formado por 150 pequenas ilhas das quais apenas cinco têm população representativa.

O último boletim do Centro Nacional de Furacões (NHC, sigla em inglês) dos EUA afirma que o furacão Nicole, que perdeu força e foi rebaixado para categoria 1 após passar pelas Bermudas, avança hoje rapidamente rumo ao nordeste do Oceano Atlântico, gerando grandes ondas e ressaca ao longo da costa leste americana e do Canadá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos