Polícia britânica faz buscas em edifício no centro de Manchester

Manchester (R.Unido), 24 mai (EFE).- A polícia do Reino Unido fez uma operação policial nesta quarta-feira em um prédio de apartamentos no centro de Manchester, próximo da estação de trens Piccadilly, relacionada com as investigações sobre o atentado de segunda-feira, no qual morreram 22 pessoas e 64 ficaram feridas.

Os moradores da região descreveram que policiais armados e homens com as cabeças cobertas por gorros entraram no edifício "Granby House", situado no centro dessa cidade do norte da Inglaterra.

A estação ferroviária ficou temporariamente fechada ao público durante a operação policial, informou uma porta-voz da corporação.

"Os agentes fizeram buscas em um endereço do centro da cidade de Manchester, como parte das investigações sobre o terrível incidente ocorrido na Manchester Arena", disse a porta-voz, que especificou que a operação policial ainda "continua".

Além disso, a polícia detalhou que, "para realizar a operação de maneira segura", a linha férrea foi interrompida "brevemente", mas já voltou a funcionar.

Segundo indicaram alguns moradores, o edifício que foi alvo da operação tem 62 apartamentos no total, muitos dos quais estão alugados.

Até o momento, a polícia de Manchester deteve quatro indivíduos, entre eles o irmão de 23 anos do terrorista suicida Salman Abedi, autor do massacre no show da cantora americana Ariana Grande.

As detenções foram realizadas após diligências policiais em endereços dessa área da cidade, como parte da investigação sobre o atentado, no qual o suicida se explodiu com artefatos caseiros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos