Homem mata policial e se suicida dentro de tribunal na Turquia

Istambul, 4 jul (EFE).- Um homem matou um policial e depois se suicidou dentro do tribunal de Gemlik, cidade da província de Bursa, no oeste da Turquia, informou o jornal "Hürriyet".

O homem, que não teve a identidade divulgada até o momento, também feriu um advogado, Özgür Aksoy, membro da direção do Partido Republicano do Povo (CHP), o maior da oposição no país.

As primeiras informações sobre o crime indicavam que o homem também tinha feito o refém no tribunal, mas isso não ocorreu.

As autoridades descartam que a ação tenha relação com o terrorismo, mas ainda não esclareceram porque o homem matou o policial e invadiu o tribunal, segundo o "Hürriyet".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos