Mattis diz que EUA apostam na solução diplomática com Coreia do Norte

Nova Délhi, 26 set (EFE).- O secretário de Defesa dos Estados Unidos, James Mattis, afirmou nesta terça-feira que seu país quer uma solução diplomática para a situação de tensão com a Coreia do Norte e faz esforços para manter os litígios na área diplomática "tanto quanto possível".

"Mantemos a nossa capacidade de dissuadir as ameaças mais perigosas da Coreia do Norte, mas também apoiamos nossos diplomatas para que isso permaneça o máximo possível na área diplomática", disse Mattis, durante uma entrevista coletiva em Nova Délhi (Índia).

"Este é o nosso objetivo: resolver isto diplomaticamente e acredito que o presidente (Donald) Trump foi muito claro neste assunto", afirmou.

Mattis lembrou os resultados dos "esforços diplomáticos" nas Nações Unidas, e particularmente no Conselho de Segurança, cujas resoluções aumentaram a "pressão" econômica e diplomática sobre a Coreia do Norte.

As declarações de Mattis acontecem depois que o ministro da Relações Exteriores norte-coreano, Ri Yong-ho, acusou ontem o presidente americano de ter declarado "guerra" contra a Coreia do Norte durante seu discurso da semana passada, na Assembleia Geral da ONU.

Pyongyang foi alvo de sanções tanto dos Estados Unidos como da ONU por persistir no programa balístico e nuclear que vem desenvolvendo há mais de dez anos, violando as disposições das Nações Unidas.

No último domingo, a Casa Branca anunciou novas sanções, ao incluir a Coreia do Norte em um grupo de oito nações com restrições para poder viajar aos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos