No Vietnã, Trump insiste que é preciso neutralizar ameaça da Coreia do Norte

Em Ho Chi Minh (Vietnã)

  • Luong Thai Linh/Reuters

    Presidente Donald Trump, em coletiva de imprensa em sua passagem pelo Vietnã

    Presidente Donald Trump, em coletiva de imprensa em sua passagem pelo Vietnã

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, insistiu neste domingo (12), durante uma visita de Estado ao Vietnã, em que todas as nações responsáveis devem agir agora para garantir que a Coreia do Norte não continue ameaçando o mundo.

"A segurança é um objetivo que deveria unir todas as nações civilizadas", afirmou Trump em entrevista coletiva com o presidente vietnamita, Trang Dai Quang, na saída de uma reunião que tiveram no palácio presidencial de Hanói.

"Queremos estabilidade, não caos; queremos paz, não guerra", disse o presidente americano, que ofereceu a essa região do mundo continuar cooperando em segurança, antiterrorismo, crime eletrônico, na luta contra o tráfico de pessoas e drogas, e em prevenção de doenças.

Trump viaja ainda na tarde deste domingo a Manila, capital das Filipinas, para participar da cúpula da Asean (Associação de Nações do Sudeste Asiático), que começa esta noite e termina na terça-feira.

"A cúpula da Asean vai ser algo que acredito vai ser muito, muito especial, e estou desejando participar. Também vamos discutir a crescente ameaça da Coreia do Norte", declarou Trump.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos