PUBLICIDADE
Topo

Participantes das consultas sobre a Síria começam a chegar a Astana

20/12/2017 11h54

Astana, 20 dez (EFE).- Os participantes da oitava rodada de consultas sobre o cumprimento do cessar-fogo na Síria que começa amanhã em Astana começaram a chegar nesta quarta-feira à capital cazaque, informou o Ministério de Relações Exteriores do Cazaquistão.

Da reunião participarão representantes da oposição e do governo sírio, assim como dos três países fiadores: Rússia, Irã e Turquia.

A delegação russa é liderada pelo enviado especial de Moscou para a Síria, Alexander Lavrentiev, enquanto à frente das missões do Irã e da Turquia estarão seus vice-ministros de Relações Exteriores, Sedat Önal e Hussein Yaberi Ansari, respectivamente.

"Os chefes da delegação da Turquia e do Irã e parte da delegação da oposição síria já chegaram", disse o diretor do escritório de imprensa da chancelaria cazaque, Anwar Zhainakov.

Também está previsto que observadores da Jordânia e dos Estados Unidos participem de Astana-8, que se centrará no problema da libertação dos prisioneiros e dos reféns, assim como da busca de pessoas desaparecidas.

Segundo o programa inicial, as consultas terão uma duração de dois dias: a primeira jornada estará dedicada a negociações bilaterais e multilaterais, e na segunda se realizará a reunião plenária.

O começo das consultas em Astana coincidirá com a reunião que o enviado da ONU para a Síria, Sttafan de Mistura, terá em Moscou com os ministros de Relações Exteriores e de Defesa da Rússia, Sergei Lavrov e Sergei Choigu, para abordar a situação no país árabe.