Combates na região de Afrín matam mais dois soldados turcos

(Corrige título).

Istambul, 28 jan (EFE).- Dois soldados turcos morreram durante os combates na região de Afrín, no extremo noroeste da Síria, o que eleva o número oficial de baixas do Exército do país para cinco.

Os corpos dos dois já foram levados à Turquia e entregues aos familiares para serem velados, informou neste domingo o jornal "Hürriyet". Outros 11 soldados ficaram feridos, mas sem gravidade.

Com essas duas mortes, já são cinco o total de soldados turcos mortos na campanha em Afrín, iniciada no último sábado contra as Unidades de Proteção do Povo Curdo (YPG), uma milícia curdo-síria que controla grande parte do noroeste da Síria.

Além disso, 15 membros de uma milícia síria que luta junto com os curdos morreram durante os combates, segundo o Exército turco. Ficaram feridos nos confrontos outros 28 combatentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos