PUBLICIDADE
Topo

Tsunami na Indonésia deixa 30 mortos e 21 feridos, dizem autoridades

29.set.2018 - Mulher chora ao constatar danos por terremoto e tsunami na cidade de Palu - Muhammad Rifki/AFP Photo
29.set.2018 - Mulher chora ao constatar danos por terremoto e tsunami na cidade de Palu Imagem: Muhammad Rifki/AFP Photo

Em Jacarta

29/09/2018 00h44

Pelo menos 30 pessoas morreram e outras 21 ficaram feridas por causa do terremoto de 7,5 graus seguido de um tsunami que atingiu, ontem (28), dois municípios da ilha de Celebes, na Indonésia, informaram neste sábado (29) fontes hospitalares.

O terremoto destruiu a rede elétrica na região afetada, que até o momento não foi restabelecida.

O titular da Associação de Médicos da Indonésia na província de Celebes, Komang Adi Sujendra, divulgou esses números de vítimas através das redes sociais.

Ele acrescentou que pelo menos 12 pessoas passaram por cirurgia e foram diagnosticados nove traumatismos cranioencefálicos.

Já o porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Desastres (BNPB, sigla em indonésio), Sutopo Purwo Nugroho, disse que os serviços de telecomunicações continuam sem funcionar e que os técnicos chegaram hoje ao aeroporto de Palu, a cidade mais afetada, ao lado de Donggala.

Este aeroporto, que opera voos domésticos, permanece fechado desde ontem após ter sofrido danos por conta do terremoto.

A BNPB confirmou a formação do tsunami depois que vários vídeos foram divulgados nas redes sociais como na cidade de Palu, que foi atingida com força pelas ondas.

Inicialmente, as autoridades emitiram um alerta de tsunami após o terremoto de 7,5 graus, para alertar sobre as ondas entre meio metro e máximo de 3 metros na região de Palu.

O terremoto de ontem esteve precedido três horas antes por outro de 6,1 graus de magnitude, que causou a morte de uma pessoa e dez feridos, assim como o desmoronamento de várias casas.