PUBLICIDADE
Topo

Reabrem o aeroporto de Palu, a urbe mais danificada pelo tsunami em Indonésia

30/09/2018 03h10

Poso (Indonésia), 30 set (EFE).- As autoridades da Indonésia reabriram neste domingo o aeroporto de Palu, a cidade mais afetada pelo terremoto de magnitude 7,5 graus na escala Richter e posterior tsunami de sexta-feira que sacudiu a ilha de Célebes, o que contribuirá para agilizar a chegada de assistência humanitária para os milhares de afetados.

O organização AirNav Indonesia afirmou em comunicado que os voos comerciais serão limitados e que receberão prioridade nas operações de emergência e na ajuda humanitária.

A Força Aérea indonésia tem preparados para enviar para Palu 12 aviões Hércules, quatro Boeing 737, cinco aviões CN 295, dois aviões CN 235 e vários helicópteros para que cumpram tarefas de salvamento, assistência humanitária, evacuação e logística.

O chefe da Força Aérea, Yuyu Sutisna, afirmou para a imprensa local que também serão enviados cem membros de unidades especiais.

O Ministério de Saúde está organizando a chegada de pessoal e material médico a Palu e as outras zonas afetadas, como a cidade de Donggala, a outra mais castigada com 277 mil habitantes.