PUBLICIDADE
Topo

Ataque contra funcionários de presídio em Cabul deixa pelo menos 5 mortos

31/10/2018 06h01

(Atualiza número de vítimas e acrescenta novos detalhes).

Cabul, 31 out (EFE).- Pelo menos cinco pessoas morreram e outras dez ficaram feridas, nesta quarta-feira, por conta de um ataque contra um veículo que transportava funcionários da prisão Pul-e-Charkhi, nos arredores de Cabul e uma das maiores do Afeganistão.

A explosão aconteceu por volta das 7h40 (horário local, 0h10 de Brasília) nas imediações da prisão, provavelmente produzida por um agressor suicida que detonou os artefatos", disse o porta-voz da polícia local, Basir Mujahid.

O fato aconteceu durante a passagem de um micro-ônibus que transportava um grupo de funcionários da Pul-e-Charkhi.

O porta-voz do Ministério da Saúde Pública, Wahidullah Majroh, disse à Agência Efe que o número de mortos subiram os números de mortos e feridos (cinco e dez, respectivamente). Os sobreviventes foram transferidos para hospitais da região, e entre eles há pelo menos três crianças.

Por enquanto, nenhum grupo insurgente reivindicou a autoria da ação.

Nos últimos meses, Cabul sofreu um grande número de ataques contra todo tipo de alvos, desde membros da minoria xiita até pessoas envolvidas nas eleições parlamentares do último dia 20, como candidatos e eleitores.

No entanto, não são frequentes os atentados contra presídios.