Trigo caminha para queda anual de 13% nos EUA por pressão de produção recorde

PARIS/SYDNEY (Reuters) - Os contratos futuros de trigo dos Estados Unidos operavam praticamente estáveis nesta sexta-feira em sessão de leves negociações de fim de ano, deixando o mercado do cereal encaminhado para um declínio anual de mais de 13 por cento em um cenário de produção global recorde.

O milho estava prestes a encerrar o ano em queda de 3 por cento após a maior colheita já registrada nos Estados Unidos manter a oferta em volumes abundantes.

Tanto o milho quanto o trigo estão no caminho de seu quarto declínio anual consecutivo.

A soja, no entanto, irá reverter uma tendência baixista dos três últimos anos. A oleaginosa deverá registrar alta anual de 17 por cento em 2016. O ganho reflete sólidas exportações dos Estados Unidos.

(Por Colin Packham e Gus Trompiz)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos