BC da China amplia regra de compulsório para bancos que atendem a setores mais carentes

PEQUIM (Reuters) - O banco central da China está ampliando este ano um programa que permite que instituições financeiras que dão suporte ao financiamento rural e a pequenas empresas solicitem um nível menor exigido de reservas cambiais, disseram três fontes nesta segunda-feira.

Em 2014, o Banco do Povo da China lançou um programa que permite que os bancos solicitem uma taxa de compulsório - volume de dinheiro que precisam manter como reserva - mais baixa se atenderem a certo critérios para empréstimo ao setor agrícola e pequenas empresas.

O banco central está agora avaliando os empréstimos dos bancos em 2016, com aqueles que atendem às exigências elegíveis para o compulsório mais baixo, disseram as fontes, conforme oferece um incentivo para os bancos emprestarem a setores mais desamparados da economia.

(Reportagem de Li Zheng)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos