Parlamento alemão aprova legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo

BERLIM (Reuters) - O Parlamento da Alemanha aprovou nesta sexta-feira com uma grande folga a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo, depois que a chanceler alemã, Angela Merkel, liberou os membros de seu bloco conservador para seguirem sua própria consciência em vez do posicionamento do partido.

Merkel, que buscará um quarto mandato na eleição nacional no dia 24 de setembro, disse a repórteres depois da importante decisão que votou contra a medida porque acredita que o casamento, como definido na lei alemã, é somente entre um homem e uma mulher.

Entretanto, ela disse que sua decisão é pessoal, acrescentando que foi convencida nos últimos anos de que casais do mesmo sexo devem ter a permissão para adotar crianças.

"Eu espero que a votação de hoje não apenas promova respeito entre as diferentes opiniões, mas também traga mais coesão social e paz", disse Merkel.

No Parlamento, 393 votaram a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo contra 226 que se opuseram.

(Reportagem de Andrea Shalal)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos