PUBLICIDADE
Topo

Eleição pode ser evitada se renúncia de vice-premiê for confirmada, diz oposição irlandesa

28/11/2017 10h39

DUBLIN (Reuters) - O partido de oposição irlandês que sustenta o governo do primeiro-ministro, Leo Varadkar, disse nesta terça-feira que acredita que uma eleição antecipada será evitada se a renúncia da vice-premiê, Frances Fitzgerald, for confirmada.

A emissora estatal irlandesa, RTE, relatou nesta terça-feira que Fitzgerald concordou em renunciar em um passo que pode pôr fim a uma crise que ameaçava ter um impacto negativo nas negociações do Reino Unido sobre o Brexit. O governo se recusou a comentar.

O líder do partido Fianna Fail, Micheal Martin, "investiu grande esforço pessoal na resolução dessa questão e para evitar uma eleição geral --e parece que isso pode ter sido alcançado", disse o porta-voz financeiro do Fianna Fail, Michael McGrath, à rádio RTE, citando "relatos não confirmados" da renúncia.

(Reportagem de Conor Humphries)