Kremlin chama novo teste de míssil da Coreia do Norte de ato provocativo

MOSCOU (Reuters) - O mais recente teste de um novo míssil balístico intercontinental norte-coreano irá provocar mais tensões na região e afasta todos os lados envolvidos do ponto onde uma solução para a crise pode começar, disse o Kremlin nesta quarta-feira.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse a repórteres que Moscou espera que todos os lados envolvidos possam se manter calmos, dizendo que isso é necessário para evitar o pior cenário possível na península coreana.

(Reportagem de Dmitry Solovyov)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos