Ex-governador venezuelano Falcón vai disputar eleições de abril contra Maduro

CARACAS (Reuters) - O ex-governador venezuelano Henri Falcón lançou sua candidatura nesta terça-feira para disputar com o presidente Nicolás Maduro em uma eleição presidencial marcada para 22 de abril que a oposição do país está chamando de farsa que consolidará a ditadura de Maduro.

Falcón, que anunciou sua candidatura à televisão estatal, vai concorrer, apesar de uma coalizão de partidos da oposição ter afirmado na semana passada que não apresentaria um candidato por considerar a eleição um processo "fraudulento e ilegítimo".

Nesta terça-feira, Maduro, de 55 anos, lançou formalmente sua candidatura à reeleição.

“Eu serei leal ao legado do gigante Hugo Chávez”, disse, dançando reggaeton no palco com sua esposa, Cilia Flores, em frente a um grande cartaz exibindo seu rosto e o rosto de Chávez.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos