PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

União Europeia e Índia concordam em retomar discussões comerciais em cúpula virtual

08/05/2021 15h29

Por Robin Emmott e Jan Strupczewski

BRUXELAS (Reuters) - A União Europeia e a Índia concordaram em retomar negociações sobre livre mercado e buscar uma cooperação mais próxima para combater as mudanças climáticas, em uma cúpula virtual neste sábado, no momento em que preocupações sobre a China aproximam Bruxelas de Nova Déli.

Parcialmente ofuscada pela crise da Covid-19 na Índia, a reunião juntou o primeiro-ministro indiano Narendra Modi a todos os 27 líderes do bloco pela primeira vez, em um sinal do renovado interesse da UE pela região do Indo-Pacífico.

Outras cúpulas entre UE e Índia envolveram apenas o primeiro-ministro indiano, os executivos-chefes e o presidente da UE.

“Concordamos em retomar as negociações para um... acordo comercial que seria uma resposta aos desafios atuais”, afirmaram os líderes indianos e da UE em um comunicado após as conversas, acrescentando que, para que elas sejam bem sucedidas, os dois lados precisam resolver problemas de acesso ao mercado.

Em paralelo, a UE e a Índia começarão discussões por um acordo separado de proteção de investimento e outro em indicações geográficas - marcas famosas frequentemente associadas aos locais em que são produzidas, como o Champagne da França ou o chá Darjeeling da Índia.

O crescimento da China de parceiro comercial a potência rival com uma presença militar cada vez maior ligou o sinal de alerta no Ocidente e seus aliados no Indo-Pacífico, onde Bruxelas quer mais influência.

“Concordamos que, como as duas maiores democracias do mundo, a UE e a Índia têm um interesse comum em garantir a segurança, a prosperidade e o desenvolvimento sustentável em um mundo multi-polar”, disse o comunicado conjunto.

(Reportagem adicional de Robin Emmott and Kate Abnett)