Paris registra aumento de agressões sexuais

O número de abusos sexuais em Paris aumentou de 30% em um ano. As estatísticas são das autoridades da capital francesa.

Três hipóteses tentam explicar esse aumento. Uma delas é o reforço da vigilância frente a comportamentos que não são mais aceitos no espaço público, aumentando assim o número de denúncias.

Outra explicação seria a melhora das autoridades na elaboração dos boletins de ocorrência. Para o criminólogo do observatório nacional da delinquência, Aurélien Langlade, a presença de psicólogos nas delegacias ajudou a detectar um número maior de casos de violências sexuais.

Além disso, somente uma entre dez mulheres decide registrar um boletim de ocorrência. Para Langlade, a insegurança em alguns bairros contribui para que as vítimas tenham medo de levar a denúncia adiante. Segundo o especialista, é preciso mais campanhas que façam as pessoas denunciarem os abusos.

Por último, é possível explicar o aumento de abusos sexuais pela progressão da violência de uma maneira geral. Em Paris, os números impressionam: 471 casos de violência em 2017, contra mais de 600 nos quatro primeiros meses deste ano

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos