PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

Farmacêuticas terão receita de R$ 460 bi; 'quebrar patentes não beneficia Brasil', diz Dimas Covas

21/01/2022 14h04

Segundo o colunista Jamil Chade, a receita das grandes empresas farmacêuticas chegará a quase meio trilhão de reais apenas com a venda de vacinas contra a covid-19, no ano de 2022. As previsões são da consultoria Airfinity que, desde o início da pandemia se transformou na principal referência sobre mercado e projeções de produção de imunizantes. No UOL News, o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, fala sobre a discussão a respeito da quebra de patentes e defende que é contraproducente

Vídeos