PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Avião da Avianca faz pouso de emergência em Brasília

Aeronave da Avianca pousou de barriga em Brasília nesta sexta - Pedro Ladeira/Folhapress
Aeronave da Avianca pousou de barriga em Brasília nesta sexta Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress

Do UOL, em Brasília

28/03/2014 18h11Atualizada em 28/03/2014 19h43

Um avião da Avianca fez um pouso de emergência no Aeroporto de Brasília na tarde desta sexta-feira (28) por causa de uma pane no trem de pouso.  Os passageiros do voo foram retirados da aeronave. O voo 6393 vinha de Petrolina (PE) com destino à capital.

À bordo da aeronave estavam 44 passageiros e 5 tripulantes.  Mas ainda não há informações se há feridos. 

Segundo a FAB (Forças Aéreas Brasileiras), a pista onde ocorreu o pouso de emergência está desativada. Por isso, não há impactos nas decolagens e pousos do aeroporto. Para a FAB, o piloto realizou todos os procedimentos corretos para garantir a segurança do pouso de emergência.

O avião teve uma pane no trem de pouso dianteiro e ao pousar raspou a fuselagem da frente na pista. No entanto, não houve impacto na pista, de acordo com a FAB. 

A FAB  também informou que o avião é um Foker 100 MK28 e que uma equipe do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) já está investigando as causas da pane no trem de pouso.

De acordo com a assessoria do aeroporto, os bombeiros já haviam sido avisados e estavam a postos quando o avião se aproximou para realizar o pouso de emergência.  Ele jogaram um tipo de espuma na pista para evitar o atrito da fuselagem na aterrissagem.

Procurada pela reportagem, a Avianca por meio de nota que o avião "pousou de forma segura" no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitscheck .   

"Todos os passageiros foram desembarcados e transportados, em ônibus, até o terminal de passageiros.  Após o desembarque, alguns passageiros optaram por seguir em suas conexões. Durante toda a ocorrência, priorizamos a assistência aos passageiros", diz trecho da nota da Avianca. "Dos 44 passageiros, 20 seguiram viagem em voos da própria companhia; 14 com destino a Brasília seguiram para suas residências e 9 adultos e uma criança foram acomodados em hotel."

 

Cotidiano